A castração,Eunucos e idolatria.


Muitos ficam impressionados como a prática da castração era comum na antiguidade, há histórias, mitos e lendas sobre a castração e isso nos traz revelações surpreendentes já que até Jesus citou os homens castrados.

Gladiator with muscular body with sword and helmet

Na mitologia a história da castração é contada da seguinte forma: Urano na mitologia grega era a divindade que personificava o céu, ele foi gerado por Gaia (a Terra) e depois casou-se com sua mãe.

Urano tinha relações sexuais com a Terra (Gaia), mas ele odiava as crianças que nasciam, Urano aprisionou os filhos mais novos de Gaia no Tártaro, nas entranhas da Terra, causando grande dor a Gaia.

urano cronos copy

Então ela forjou uma foice e pediu a Cronos (saturno) para castrar o seu pai, ele emboscou seu pai, castrou-o e lançou os testículos cortados ao mar.

A partir dai surgiu o culto a deusa Cibele, (Gaya) mãe terra, ela era Venerada em Roma com rituais sanguinários de castração coletiva, homens decepavam seus genitais em adoração a ela.

Cybele_Getty_Villa_57.AA.19

Deusa da castração Cibele

A Grande Mãe, deusa Cybele, era uma personificação do poder da serpente que foi adorada por milhares de anos na Anatólia, a Turquia moderna. Attis, seu filho-amante fez um voto de celibato

Sua adoção em Roma, e no Lácio, é feita após a latinização de seu nome, tornando-se Magna Mater, a “Grande Mãe”  para os Romanos

Sacerdote_che_sacrifica_a_cibele_(archigallo),_III_sec,_dalla_necropoli_di_porta_all'isola_sacra

Sacerdote Galli fazendo oferendas a Cibelle

Seus sacerdotes, os galli, são importados e a renovação desse sacerdócio é feita do mesmo modo, pois a castração, ritual presente na iniciação dessas pessoas, não era algo admissível a um romano.

Enquanto outros tocam a flauta e eles entram em transe, o jovem sacerdote fica nu, grita e corre para o meio do círculo dos sacerdotes, onde ele agarra uma espada que se castrou imediatamente. Então ele atravessa a cidade, segurando suas partes masculinas. Então ele os joga através de uma janela aleatória e, daquela casa, ele deve receber suas roupas e jóias.     ( Lucian, De Dea Síria 51)

Os cidadãos Romanos foram proibidos de se tornar Galli, o que significava que todos os Galli eram orientais ou escravos. Sob Cláudio, essa proibição foi levantada. Eventualmente Domiciano reafirmou que os cidadãos romanos foram proibidos de praticar eviratio (castração).

Gallus

          Sacerdote Galli em trajes femininos

Os Galli se castraram durante uma celebração extática chamada Dies sanguinis, ou “Day of Blood”, (dia sanguinário) que ocorria no dia 24 de março. Ao mesmo tempo se faziam afeminados, eles vestiam roupas femininas, principalmente de cor amarela, e uma espécie de turbante, juntamente com pendentes e brincos. Eles também usavam o cabelo longos, branqueavam-se e usavam maquiagem pesada. Eles vagaram com seguidores, implorando por caridade, em troca do que eles estavam preparados para ler a sorte.

Deste tipo de culto que deu origem a advertência da carta aos Romanos, falando sobre os casais que estavam abandonando seus parceiros para se prostituir nos templos como sacerdotes do sexo e praticar orgias se fazendo afeminados a deusa Cibele e outros deuses.

galli

   Photo Copyright 2008David Xavier Kenney

Este colar é referido como “The Necklace Finger Ring“. (Colar da serpente) A razão para isso é que sugere que é uma imitação do anel de serpente de um iniciado real que os sacerdotes Galli usavam. ( veja a serpente enroscada no colar em destaque 01)

Há sugestões de que estes foram apresentados após a conclusão dos mistérios de nível inferior. Os Galli de fato foram nomeados para o rio Gallus na Frígia, e que o significado real do nome Gallus é algo como uma “Ninfa de água de Cibele”. A Imagens 2 mostra a figura do pênis

XC-32

Mas estes deuses tanto da Roma e da Grécia nada mais são que deuses antigos com novas roupagens, este tipo de culto já existia desde a antiguidade, a castração já acontecia no templo de Moloque ( saturno) e outros deuses da fertilidade.

eunucos na biblia

Muitos Eunucos haviam se castrado nestes cultos pagão da antiguidade e quando se convertiam não havia nada mais o que fazer senão aceitar o sei estado do tempo da ignorância.

Havia os eunucos de coração, aqueles que sacrificavam seu desejo sexual de forma celibatária como o Apóstolo Paulo e outros. Porém Jesus falou daqueles Eunucos que nascem sem desejo sexual por mulher do ventre da mãe e aqueles que são castrados pelos homens. Na maioria das situações estes Eunucos do ventre tende a se tornar homossexuais, pois sua atração não é pelo sexo oposto, então desenvolvem uma afetividade por homens.

Spado (plural: spadones) é o termo genérico para uma variedade de sub-tipos de homens assexuados. Walter Stevenson argumenta que o termo spado não parece ter incluído aqueles que foram castrados.

Spado é o nome genérico sob o qual aqueles que são spadones por nascimento, bem como thlibiae, thlasiae e qualquer outro tipo de spado existe, estão contidos. “Esses spadones são contrastados com castrati ..

Alguns spadones nasceram assim – sem características sexuais fortes. Outros sofreram algum tipo de desfiguração testicular, cuja natureza lhes valeu os rótulos da Thlibiae e Thladiae. Charles Leslie Murison diz que Ulpian (um jurista do século III do século passado) (Digest 50.16.128) usa spadones para “sexual e generativamente incapazes”. Ele diz que o termo poderia aplicar aos eunucos por castração.

Anúncios

Comentar é livre, mas comentários que contenham ofensas e vulgaridades e palavrões serão excluídos

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s